Por que você deveria considerar adicionar ArcGIS Image à sua organização?

Ricardo Vieira da Silva Galdino

Especialista De Marketing Produtos E Verticais

Imagery é muito mais do que uma imagem bonita, certo? Compramos, coletamos e adquirimos imagens com o objetivo de extrair informações delas, seja por visualização ou análise. No entanto, elas devem ser compartilhadas antes que você ou qualquer pessoa da sua organização possa tirar proveito das imagens. Depois de encontrar um local para hospedar suas imagens, pode ser um desafio decidir como compartilhá-las.

Este artigo tem como objetivo equipá-lo com as informações necessárias para compartilhar imagens e rasters. No ArcGIS, você tem três maneiras de compartilhar (ou “transmitir”) suas imagens e dados raster: Map Tile Cache (Cache de mosaico de mapas, Tiled imagery (Mosaico de imagens) e Dynamyc Imagery (Imagens Dinâmicas). Mas se você é novo em imagery, provavelmente está se perguntando quais são as diferenças, os benefícios e desvantagens de cada uma e qual é a melhor para você. Então, vamos mergulhar…

O que é Tile Cache?

Pense no Map Tile Cache como uma coleção de imagens agrupadas para criar uma imagem bonita, geralmente um mapa base. Esta imagem é otimizada para desempenho e projetada para escalar. O que torna esse serviço mosaico rápido é que o pré-processamento e a compactação são realizados antes de ser entregue. Como cada bloco é armazenado em cache e otimizado para exibição, os mosaicos são desenhados imediatamente à medida que você movimenta e amplia o mapa.

Um exemplo disso é o World Imagery Service, acessível no ArcGIS Living Atlas of the World.

Benefício

O Map Tile Cache tem alto desempenho, tornando-o ideal para visualização. Quando os dados de imagens ou elevação se destinam exclusivamente a servir como plano de fundo ou mapa base, recomendamos transmitir suas imagens como Map Tile Cache.

Desvantagens

Embora o Map Tile Cache receba notas altas no desempenho, observe que o que você realmente está transmitindo são mosaicos de imagens compactadas meramente visuais. A rica informação normalmente contida nas imagens é perdida. O processo de cache de blocos salva automaticamente suas imagens como 8 bits e as transmite em uma projeção – normalmente Web Mercator.

O que isto significa? Análise mínima pode ser realizada. Um Map Tile Cache não fornece acesso a bandas espectrais, metadados de imagem ou a capacidade de reprojetar as imagens. Dito isso, se você precisar capacitar as partes interessadas para fazer mais com as imagens do que com a visualização básica, recomendamos o streaming de imagens lado a lado ou camadas de imagens dinâmicas.

O que são Camadas de Tiled Imagery?

Assim como o map tile cache, as camadas de Tiled Imagery reúnem uma coleção de imagens para criar um único serviço ou tapete de imagens. No entanto, ao contrário de um Map Tile, as imagens não precisam ser compactadas ou projetadas, portanto, mais informações das imagens originais permanecem com o serviço de streaming.

Benefícios

As imagens lado a lado fornecem uma experiência “perfeita” para visualização e análise. É rápido e de alto desempenho, como o Tile Cache – com renderização de blocos no lado do cliente, sem necessidade de computação do servidor. E o rico conteúdo das imagens que você comprou, coletou ou adquiriu é preservado – nenhuma fidelidade de pixel é perdida.

Isso significa que você não limita o número de bandas que pode transmitir; a profundidade de bits permanece fiel à imagem de origem e você pode obter valores de pixel para qualquer local. Isso permite realizar análises, definir renderizações e visualizar diferentes combinações de bandas usando uma única camada de imagens pronta para análise.

Desvantagens

Esta opção não é ideal se você tiver imagens sobrepostas, de multiresolução ou multitemporais. Conforme mencionado acima, as camadas de imagens lado a lado tratam seus dados como um tapete de imagens com projeção e tamanho de pixel predefinidos. Se você quiser unir imagens em tempo real de diferentes sensores ou em dias diferentes para uma determinada área, recomendamos o streaming de camadas de imagens dinâmicas.

O que são camadas de Dynamic Imagery?

Dynamic Imagery são uma coleção de imagens que são agrupadas/costuradas dinamicamente em tempo real pelo servidor. À medida que você movimenta e amplia o mapa, imagens de uma área inteira são obtidas do servidor para cobrir a extensão específica necessária.

Funciona da seguinte forma: para a área de interesse, é feita uma chamada ao servidor para coletar todas as imagens daquela área, processá-las se necessário, juntá-las e depois enviá-las de volta para a visualização do cliente. O resultado fornece uma visualização “dinâmica” baseada nas regras do mosaico que você especificou, extraídas diretamente das imagens de origem.

Benefícios

Você pode usar camadas de imagens dinâmicas para analisar imagens sobrepostas e multitemporais. Esse serviço de imagem é ótimo para casos de uso que exigem que você percorra o tempo e classifique dinamicamente as imagens com base em atributos, como cobertura de nuvens, data de aquisição ou ângulo nadir.

Para cenários onde a cobertura de nuvens é um problema, escolha dinamicamente as imagens disponíveis sem nuvens. Ou, se estiver executando um fluxo de trabalho de detecção de alterações, use uma camada de imagens dinâmicas para consultar duas imagens de datas diferentes.

E se isso não bastasse, as camadas de imagens dinâmicas permitem processar as imagens no servidor usando funções raster antes de transmitir os pixels de volta ao cliente.

Resumindo, a essência de uma camada de imagem “dinâmica” é a capacidade de controlar com precisão o que é recebido.

Desvantagens

Como os dados são processados dinamicamente, as camadas de Dynamic Imagery tendem a ser mais lentas e um pouco mais caras do que as opções anteriores, mas isso é resultado do fornecimento de mais recursos. Elas também exigem poder de processamento do seu servidor.

E, se hospedar suas imagens via ArcGIS Image for ArcGIS Online, esses serviços não poderão ser transmitidos publicamente, apenas dentro de sua organização. No entanto, como alternativa, você pode fornecer acesso público via ArcGIS Image Dedicated, nosso SaaS gerenciado ou ArcGIS Image Server.

Qual tipo de serviço de imagem é ideal para você?

Espero que essas dicas ajudem você a decifrar os diversos serviços de imagem e selecionar aquele que melhor atende às suas necessidades. Como auxílio visual, espero que a seguinte matriz seja útil.

Dê o próximo passo

Precisa de um jeito rápido pra compartilhar e armazenar seus dados de Imagery e Raster? Conheça o poderoso ArcGIS Enterprise e como o ArcGIS Image Server pode facilitar essa tarefa.

Leia neste artigo

Descubra o poder das soluções

Preencha o formulário para que um especialista Imagem possa encontrar a solução que você precisa.

0 0 votes
Avalie o Artigo
Acompanhe estes comentários
Me avise sobre

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Assine grátis a News Coordenadas

Acompanhe as novidades em Geotecnologia, Location Intelligence aplicados em todas as áreas de negócios.

Faça sua busca

Espere,

Separamos as Principais atualizações do ArcGIS para Você!