O ESG tem mudado a forma que muitas empresas atuam e pensam seus negócios e guiado muitos investidores nas suas decisões e análises de risco.

A abreviação representa os conceitos Environmental, Social e Governance, que designam um conjunto de melhores práticas ambientais, sociais e de governança que cada vez mais empresas tem adotado.

O tema vem evoluindo ao longo do tempo e apareceu pela primeira vem em 2005 em um relatório da ONU que apresentava recomendações do setor financeiro para uma melhor integração entre questões ambientais, sociais e de análise de governança, gestão de ativos e corretagem de valores imobiliários.

Atualmente, com os 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) postos pela Assembleia Geral da ONU em 2015, as empresas ganharam parâmetros ainda mais claros para seguir e o ESG tomou força. Esses novos parâmetros fizeram com que as empresas precisassem se adaptar a esse novo cenário e a buscar soluções para que pudessem atender esses acordos e ganhar certificados que comprovassem seu comprometimento com o ESG.

Por ser um setor que atua diretamente com o cliente final, o VAREJO vem ampliando seus horizontes, investindo em recursos tecnológicos que facilitem a vida do consumidor e a organização da empresa e aumentando a experiência direta com os seus consumidores. Nisso o impacto do ESG é ainda mais importante, tanto como estratégia positiva quanto como ação de defesa.

Tais estratégias e ações buscam reduzir problemas como a insustentabilidade da cadeia produtiva, a ineficiência logística que gera um alto impacto ambiental, a perda de competitividade e valor de mercado, a dificuldade em se adequar às regulações do ESG, o aumento de custos e risco para os negócios e a geração do Greenwashing.

Nesses pontos, o Sistema de Inteligência Geográfica (GIS) pode atuar solucionando, direta ou indiretamente, diversos problemas. Com o uso de sistemas, através de dados e localização, em um processo tecnológico e inovador, é possível garantir que todas as operações, desde a rastreabilidade dos insumos em um primeiro nível, até a divulgação de fato ao consumidor final, atendam a critérios sociais e ambientais a fim de garantir uma maior eficiência produtiva que reflete diretamente nos negócios.

Os consumidores estão mais atentos em todos os impactos da cadeia de produção com reflexos diretos em comportamentos da sociedade atual. Com isso, todo o mercado e sua cadeia produtiva precisam estar atentos e preparados para atender a essa demanda que impacta de forma exponencial todos os âmbitos da sociedade.

Como aplicamos o GIS na prática?

  • Planejar e monitorar índices ESG: identificando o quanto de recursos a empresa pode economizar no consumo de energia e combustíveis fósseis e utilização de formas renováveis de energia, proteção de recursos naturais, conter a poluição reduzindo e tratando a própria geração de lixo e resíduos sólidos, o avanço em metas de responsabilidade social estratégica;

    Dashboard de monitoramento de índices ESG
  • Obter uma Produção Eficiente e Responsável: monitorando a produção e compra de insumos em parceria com fornecedores alinhados com as práticas ESG e rastreabilidade da produção de ponta a ponta para garantir negócios responsáveis;

    Mapa de Fornecedores certificados com “eco-selos” que garantem negócios responsáveis.
  • Otimização Logística com a eficiência de rotas, redução no uso de veículos de alto impacto e diminuição das emissões de gases nocivos ao meio ambiente;

  • Comunicar Ações Estratégicas de ESG apresentando métricas tão confiáveis quanto as financeiras e relevantes ao valor de longo prazo, ações diretas de marketing e branding aos consumidores para aumento do valor da marca aos investidores e consumidores;

  • Gerar transparência, diversidade e responsabilidade social com acionistas e minoritários na prestação de contas, a independência e diversidade do conselho de administração, treinamentos e programas de educação corporativa e ações de combate a más condições de trabalho.

Saiba ainda mais sobre a Gestão ESG
da Imagem clicando abaixo!

Fique por dentro de todas as novidades do Portal GEO. Faça grátis sua inscrição!

Você também pode gostar:

Aplicação de Técnicas de Deep Learn e Pytorch para Censo em Plantio Florestal 90 dias

EBook: Os 25 anos de Geoprocessamento da SEDU / PARANACIDADE

INDI Maps – Plataforma de Site Selection para Atração de Investimentos em Minas Gerais

Planejamento urbano com qualidade para os municípios paranaenses


Você gostou desse artigo?

O Portal GEO está sempre trabalhando para trazer novidades, tendências e o que há de melhor em dicas do universo GIS. Clique abaixo e faça sua inscrição gratuita para receber com comodidade todos os nossos artigos, que tenho certeza, vão te apoiar em seu cotidiano profissional e pessoal, te deixando sempre bem informado: