A evolução tecnológica é capaz de alterar profunda e rapidamente o meio de vida das pessoas, inclusive na mineração.

Se voltarmos um pouco no tempo, para a década de 1980, notamos que criações atualmente comuns, como notebooks, celulares, câmeras fotográficas digitais, conexão de internet, entre inúmeras outras tecnologias, não eram sequer esboçadas.

O avanço da microeletrônica, da ciência dos materiais e do conhecimento técnico-científico permitiu à sociedade presenciar este verdadeiro salto tecnológico ocorrido nas décadas recentes.

Computadores com velocidades nunca imagináveis, hoje fazem parte do cotidiano da população, estando disponíveis para as mais diversas aplicações.

Acompanhando esse rápido avanço tecnológico, a indústria de softwares progrediu, de forma a criar sistemas mais complexos para maximizar a utilização desses equipamentos cada vez mais potentes.

Neste sentido, é possível afirmar que a tecnologia GIS evoluiu significativamente ao longo desse período.

A cada ano que passa, o incremento de recursos tecnológicos permite que novas soluções sejam incorporadas ao sistema.

Um dos setores industriais particularmente beneficiados por todo esse movimento evolutivo envolvendo o GIS, consiste na indústria de mineração: a transformação digital deste setor é o elemento essencial para que sejam atendidas as exigentes demandas do mercado.

A busca por melhoria na produtividade associada ao respeito às normas ambientais e trabalhistas se tornou um elemento comum para todas as empresas de mineração.

A adoção de uma plataforma GIS pode apoiar as mineradoras e prestadoras de serviços no setor e acompanhar todas as atividades realizadas pelas companhias, gerenciar seus equipamentos, identificar pontos passiveis de melhoria, aumentar os níveis de segurança operacional e alcançar significativo aumento da produtividade.

Aplicativos de campo, especialmente desenvolvidos com as mais recentes técnicas de programação disponíveis no mercado, são capazes de propiciar coleta de dados de forma rápida e totalmente digitalizada, sem a necessidade de se dispender tempo com a transcrição de informações após sua coleta em campo.

Os dados coletados podem ser visualizados em painéis interativos, criados especialmente para esse fim, maximizando a capacidade gerencial.

São as condições necessárias para que os gestores possam focar em diversas atividades simultaneamente.

O potencial de uso do GIS é imenso, uma vez que novas tecnologias são incorporadas tão logo elas surjam no mercado.

Contudo toda essa complexidade, não se traduz em dificuldade de utilização, pelo contrário, embora estejam fundamentados em dados de elevada complexidade, a operação dos sistemas é extremamente simples.

Uma das principais características do GIS é a adaptabilidade: a interface dos aplicativos e dashboards pode ser moldada conforme as necessidades do usuário.

Em similaridade ao modo que a tecnologia revolucionou nossas vidas quando consideramos o que tínhamos disponível há 30 ou 40 anos, a adoção da tecnologia GIS pode ser capaz de propiciar um salto tecnológico equivalente a décadas de avanço para sua empresa, colocando-a no mesmo patamar das grandes corporações que estão se preparando para dominar o setor na década de 2020.

Natural Resources Summit 2020
CLIQUE e assista ao REPLAY!

Natural Resources Summit 2020 - faça a sua inscrição

Fique por dentro de todas as novidades do Portal GEO. Faça grátis sua inscrição!

Você também pode gostar:

Tratamento de imagens de drones para o setor de mineração

Produtividade na mineração em tempos de home office

Tecnologias essenciais para o setor de mineração

Importância da tecnologia de geoprocessamento no cenário da pandemia


Você gostou desse artigo?

O Portal GEO está sempre trabalhando para trazer novidades, tendências e o que há de melhor em dicas do universo GIS. Clique abaixo e faça sua inscrição gratuita para receber com comodidade todos os nossos artigos, que tenho certeza, vão te apoiar em seu cotidiano profissional e pessoal, te deixando sempre bem informado: