Um mapa com atualização diária de número e localização de casos confirmados do novo coronavírus é a mais nova ferramenta na luta contra a chegada da COVID-19 em terras indígenas no Mato Grosso.

Ao longo de mais de 500 anos, populações indígenas inteiras foram dizimadas pelo contato com diversos vírus que causaram efeitos avassaladores de doenças como gripe, varíola e sarampo.

Hoje, o que está na memória e relatos de anciões, volta a ser ameaça para os povos indígenas, potencializada pelas dificuldades de saneamento, acesso à água, atendimento médico e condições gerais de saúde nas aldeias.

Como ação do plano emergencial de contenção à disseminação do novo coronavírus em povos indígenas de MT, organizado pela Federação dos Povos e Organizações Indígenas de Mato Grosso (FEPOIMT), o Instituto Centro de Vida (ICV) elaborou e disponibilizou um mapa com atualização diária de número e localização de casos confirmados do vírus no estado.

Conheça a ferramenta que apoia a manter os casos de COVID-19 em terras indígenas no MT

Mapa Covid fora das aldeias: Monitoramento do COVID-19 em terras indígenas no Mato Grosso

O mapa do plano emergencial Covid Fora das Aldeias revela territórios das etnias kisêdjê, kayapó, nambikwara, xavante, bororo, tapirapé, paresi e cinta larga, próximos a cidades com números que variam de 1 a 51 casos confirmados da doença.

Operado integralmente dentro da plataforma ArcGIS, o mapa mostra a proximidade entre os casos confirmados e as aldeias indígenas do estado, que é o segundo com o maior número de áreas consideradas sob sério risco no país.

Tendo como referência experiências exitosas já publicadas aqui no Portal GEO, com os dados dos boletins do COVID-19 divulgados pela Secretária de Estado de Saúde de Mato Grosso – SES/MT, elaboramos um questionário no Survey123 para organização e atualização diária das informações.

No ArcGIS Online, os dados foram espacializados em um mapa web e utilizamos o Operations Dashboard for ArcGIS para apresentação e consulta facilitada das informações contidas nos boletins. O dashboard possibilita uma maior interação com o usuário e uma apresentação mais intuitiva das informações. Para tornar o painel acessível e responsivo, tanto na versão desktop, com em dispositivos móveis, utilizamos o Experience Builder.

Todo esse desenvolvimento está sendo realizado pelo Núcleo de Inteligência Territorial do ICV.


Fique por dentro de todas as novidades do Portal GEO. Faça grátis sua inscrição!

Veja também:

5 etapas efetivas para governos enfrentarem o COVID-19

Tecnologia descomplicada para ajudar os caminhoneiros na crise do COVID-19

ArcGIS na Saúde Pública: veja especialistas falando de usos eficazes do ArcGIS durante a pandemia.

ArcGIS na prática: tutoriais para aprender de verdade

7 mitos (esclarecidos) sobre o ArcGIS Pro


Você gostou desse artigo?

O Portal GEO está sempre trabalhando para trazer novidades, tendências e o que há de melhor em dicas do universo GIS. Clique abaixo e faça sua inscrição gratuita para receber com comodidade todos os nossos artigos, que tenho certeza, vão te apoiar em seu cotidiano profissional e pessoal, te deixando sempre bem informado: