A distribuição de energia elétrica, pode acarretar indesejáveis custos para os consumidores e para as empresas quando há um consumo desnecessário.

O sistema elétrico é composto por 3 etapas: geração, transmissão e distribuição de energia. As perdas de energia elétrica, são geradas pelas
linhas de transmissão (Rede Básica) e as redes da distribuição.

Neste post do Portal GEO, você verá quais são os desafios, as estratégias e quais são as soluções que podem ajudar o setor elétrico na redução de perdas de energia elétrica.

Os desafios de mercado

As perdas técnicas são inevitáveis em qualquer rede de distribuição no mundo, isso representa um custo, além de reduzir a receita da distribuidora, reduzem a capacidade de atendimento ao mercado e comprometem a adequação do nível de tensão. Veja algum dos desafios:

  • Redução da receita quando não reconhecida no custo de compra de energia.

  • Dificuldade na adequação do nível de tensão.

  • Redução da capacidade de atendimento ao mercado consumidor.

  • Resposta lenta ao investimento prudente aplicado.​

  • Atravessa um processo complexo para obter reconhecimento na conta de luz do consumidor.​​

  • Necessidade de apuração de grande volume de dados de excelência.​

  • Razoabilidade de difícil determinação quanto aos hábitos de consumo de energia elétrica e expansão da rede.​

De acordo com o artigo da SP Energy Networks, ”O total de perdas técnicas em transformadores na EU27 em 2008 foi de 93,4 TWh/ano. Um estudo comprovou a viabilidade técnica-econômica de redução de 16,2 TWh/ano em 2025, o que corresponde a redução de 3,7 mil toneladas/ano de emissões de CO2.

As estratégias para a gestão de perdas

  • Acompanhamento contínuo do efeito dos incentivos e glosas regulatórias para garantir a cobertura tarifária das perdas técnicas reais.

  • Implementação de melhorias da eficiência operacional das redes.

  • Implementação de programas e diretrizes de Planejamento da Expansão.

As soluções

A tecnologia pode ser uma grande aliada na gestão das perdas não-técnicas.

Soluções como utilização de sistemas de inteligência e coleta de dados, fornecem decisões mais estratégicas nos diagnósticos e otimizam a identificação, correção e o combate as perdas de energia elétrica.

Na estratégia de gestão de perdas devem ser exploradas todas as medidas razoáveis que reduzem as perdas técnicas ou as medidas que sustentam a perda técnica regulatória no nível justo. Alguns fatores são:

  • Modelagem da base de dados da distribuidora em sintonia com a prática regulatória

  • Capacidade de gerar diagnósticos da qualidade da base de dados com viés no fluxo de potência​

  • Capacidade de correção pontual e automática das inconsistências que prejudicam as simulações

  • Elaboração de relatórios padronizados e detalhados

  • Proporciona autonomia ao usuário, entre outros.

Pesquisas, desenvolvimentos e melhorias nas redes, são necessários para combater as perdas técnicas.

Saiba mais sobre as soluções que fornecem análises avançadas para a gestão de perdas de energia elétrica:
CLIQUE AQUI


Fique por dentro de todas as novidades do Portal GEO. Faça grátis sua inscrição!

Você também pode gostar:

Utility Network aplicado nos setores elétrico e saneamento

Desafio dos Indicadores em Energia Elétrica

A importância da gestão territorial para a geração de energia elétrica

ArcGIS no monitoramento de ativos do Setor Elétrico


Você gostou desse artigo?

O Portal GEO está sempre trabalhando para trazer novidades, tendências e o que há de melhor em dicas do universo GIS. Clique abaixo e faça sua inscrição gratuita para receber com comodidade todos os nossos artigos, que tenho certeza, vão te apoiar em seu cotidiano profissional e pessoal, te deixando sempre bem informado: